Quarta-feira, 1 de Dezembro de 2004

Sócrates não merece governar Portugal

O Presidente decidiu. Para uns tarde, para outros cedo. Para outros ainda devia ter estado quieto. Assim, vamos mesmo ter eleições antecipadas. Em democracia não costuma haver vencedores antecipados, mas, ou muito me engano, ou vamos ter de levar com Sócrates mais uma vez... Sim, mais uma vez.

Para os esquecidos, ele foi ministro de António Guterres. E o seu registo não foi lá muito brilhante. No currículo dele estão políticas como a co-incineração dos resíduos industriais nas cimenteiras - que acabou por não ir para a frente, não pelos protestos populares, nem pela opção por medidas mais amigas do ambiente, mas porque Guterres resolveu saltar do poleiro depois do desaire socialista nas últimas autárquicas. E dos governos guterristas não nos ficou grande herança. Conseguiram o prodígio de emagrecer a vaca, mesmo em período de vacas gordas. É o nosso crónico contra-ciclo.

Pelo que fez como ministro e pelo que tem feito como líder da oposição, José Sócrates não merece ser Primeiro-ministro de Portugal. É verdade que Santana Lopes foi um desastre à frente do governo, que quebrou as medidas de austeridade do governo de Durão Barroso e emprenhou-se em populismos, que vão contra o rigor que o país deve prosseguir. É verdade que o seu governo e o de Durão Barroso estiveram reféns de Paulo Portas - a actual 'bruxa má' da política nacional.

Então e Sócrates, garante-nos algo de diferente? E diferente para melhor? Até agora, em poucos meses de liderança socialista, não se vêem grandes diferenças. A mesma figurinha a puxar para o mediático, bon vivant que tanto se critica em Santana Lopes. O mesmo estilo light e teatral. No seu caso, ainda mais dramático.

As últimas sondagens - valem o que valem, a 3 ou 4 meses das eleições, mas é o que temos - mostram que o PS está 11% acima do PSD, e sem maioria absoluta. Isto quer dizer que, se o PS não conseguir uma maioria absoluta, vamos voltar aos famosos orçamentos limianos da era Guterres. Ou, pior ainda, em vez de um governo e um país reféns do tradicionalista e em muitos aspectos retrógrado PP, estaremos reféns de um irremediavelmente fossilizado PCP ou do um anarquista-armado-em-revolucionário-progressista Bloco de Esquerda.

Em nenhum dos casos vejo um futuro risonho para Portugal.

PS - No princípio desta noite, quando à hora dos telejornais (o nosso marketing político é oportuníssimo!) José Sócrates fez o seu comentário à decisão presidencial de dissolução da Assembleia da República saiu-se com uma frase notável. «Esta situação tem APENAS UM responsável: o Dr. Santana Lopes e o seu governo.» Ora, está-me cá a parecer que, tal como António Guterres, José Sócrates também tem um problema com a matemática.

publicado por Boaz às 18:28
link do artigo | Comente | favorito
4 comentários:
De Paula a 27 de Dezembro de 2004 às 17:05
Ele n tem nenhum porbelema com a matemática! Ao dizer que há apenas um único culpado – sanatana e o seu governo – referia-se na verdade a DURÃO BARROSO, que foi quem desencadeou as duas outras catástrofes!
De gonzas a 10 de Dezembro de 2004 às 14:25
Só para continuar o comentário, quantas vezes é que realmente nos preocupamos com quem nos governa? Que diferença nos faz que o PM seja eleito em vez de nomeado? Não continuamos a viver o dia a dia da mesma maneira? No dia das eleições, talvez nos preocupemos com isto, porque de resto apenas sabemos é criticar. E isto aplica-se a todos os governantes. E as eleições apenas servem para mostrar que até somos uma democracia...
De gonzas a 9 de Dezembro de 2004 às 19:34
"...eleito sem eleições..." - O Santanás foi nomeado, não eleito, e a situação está prevista na Constituição da República Portuguesa, que por acaso, até é uma das mais completas do Mundo.
De ruda_marx a 1 de Dezembro de 2004 às 19:26
Sim, tambem concordo de certa forma, Sócrates não merece governar Portugal, mas, Santana Lopes merecia? Um PM eleito sem eleições merecia governar? Eu penso que não! (Parabéns pelo blog , continua! Visita também http://nervoptico.blogs.sapo.pt )

Comentar artigo

.Sobre o autor


Página Pessoal
Perfil do autor. História do Médio Oriente.
Galeria de imagens da experiência como voluntário num kibbutz em Israel.


Envie comentários, sugestões e críticas para:
Correio do Clara Mente

.Pesquisar no blog

Este blog está registado
IBSN: Internet Blog Serial Number 1-613-12-5771

É proibido o uso de conteúdos sem autorização

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Ligações

.Visitantes

Jewish Bloggers
Powered By Ringsurf

.Arquivos

. Maio 2014

. Março 2013

. Novembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

.subscrever feeds

Partilhar