8 comentários:
De Betzalel a 2 de Novembro de 2008 às 19:11
Tens de me apresentar esses portugueses porque não conheço nenhum em Jerusalém - ou Israel. A mim é-me sempre estranho falar português aqui, excepto ao telefone - em via directa para Portugal. Realmente com os brasileiros falava hebraico... porque não tenho muita paciência para falar devagarinho e um pouco so-le-tra-do. Essa estranheza vem do facto do sotaque ser diferente e de muito menos perceberem a minha acentuação (já em Portugal é a mesma coisa) e de nunca ouvir a língua conforme a falo. Realmente agora as coisas já estão a mudar um bocadinho e faz-se sempre aquela coisa ridícula de tentar "abrasileirar" um pouco o som das palavras.
De Boaz a 2 de Novembro de 2008 às 21:10
Vários dos portugueses de Jerusalém que eu conheço, estudaram comigo no ulpan de conversão. Outros conheci-os, quase por acaso (se essa coisa existir). Mas são poucos, realmente, e discretos.

Comentar artigo