De João Bosco Mendes a 7 de Abril de 2009 às 18:36
Oi, Gabriel.
Cheguei ao seu blog pesquisando exatamente a expressão "ora pois", para verificar se ela seria mesmo de uso corrente em Portugal. E o seu artigo foi mais ilustrativo do que o verbete de um bom dicionário, sem dúvida.
Quanto a nós brasileiros desconhecermos a realidade portuguesa, não é coisa a ser generalizada demais. Veja. Venho me dedicando a uma obra sobre Portugal há mais de 10 anos!, estive lá durante um bom período (às minhas custas, inteiramente) e adquiri centenas de obras sobre a história de sua terra, principalmente de autores portugueses. No momento, na reta final do meu trabalho, já ultrapssei as 1.000 páginas (se vou conseguir editar ou não, é outra história). Quantos portugueses você conhece que estudaram tanto o Brasil?
Em minhas conversas com amigos, é frequente falarmos sobre Portugal, e, creia, não é de mal, como alguns portugueses às vezes imaginam (e dão a entender, eventualmente).
Por outro lado, é próprio do ser humano valorizar mais a sua própria terra, o lugar onde nasceu, o que muitas vezes é levado ao exagero, à xenofobia, coisa que combato sempre que possível.
Parabéns pelo artigo, que está ótimo. Caso queira me responder, meu email aí está.
Um abraço, Bosco.
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres